Fintech de crédito: saiba o que esperar desse novo segmento

 em Dicas

Hoje, cada vez mais as pessoas recorrem à facilidade oferecida pela internet para a realização de transações financeiras. Seja o pagamento de um simples boleto ou mesmo uma transferência para outra conta, é muito mais rápido e prático fazer on-line. E seguindo essa tendência digital, vêm surgindo também as empresas conhecidas como fintech de crédito.

Você já ouviu falar sobre isso? Sabe o que significa e como funciona uma fintech de crédito? Continue a leitura do artigo e descubra quais são as vantagens desse segmento. Boa leitura!

O que é uma fintech?

O termo “fintech” nada mais é do que a junção de duas palavras: finanças e tecnologia. Ou seja, esse tipo de empresa oferece serviços como aqueles encontrados nos bancos, no entanto, apostando muito mais na tecnologia do que as instituições tradicionais.

Um exemplo de fintech que começou no Brasil é o Nubank, mas há também outros negócios de sucesso ao redor do mundo, como o N26, TransferWise e Funding Circle. Além do mais, as fintechs se destacam também por facilitarem o acesso a créditos como empréstimos, tanto para pessoas físicas como pessoas jurídicas. Ou seja, não é por acaso que esse mercado está em crescimento.

Como atua uma fintech de crédito?

De forma geral, as fintechs se especializam em alguns serviços para que possam se diferenciar em um mercado de grande concorrência. Por exemplo, há fintech voltada para o oferecimento de crédito, enquanto outras facilitam o acesso a cartões de crédito e débito, por exemplo.

Mas o que todas elas têm em comum é o fato de que usam a tecnologia para tornar os serviços e o atendimento menos burocráticos possíveis. Nesse sentido, elas são consideradas empresas inovadoras.

Quais os serviços oferecidos?

Assim como um banco tradicional, a fintech também disponibiliza uma gama de serviços para atender as diversas necessidades dos clientes. Entre os principais deles, podemos listar:

  • soluções para pagamentos e recebimentos;
  • cartões de crédito e débito;
  • transferências de recursos;
  • conta bancária digital;
  • cartões pré-pagos;
  • financiamentos;
  • investimentos;
  • empréstimos;
  • seguros.

Lembrando que todos esses serviços não estão disponíveis apenas para clientes comuns, mas para empresas também, sendo uma opção interessante, especialmente, para os pequenos negócios. Além do mais, o ponto alto de todos esses serviços é a facilidade com que eles podem ser acessados e/ou adquiridos, pois o atendimento, basicamente, é on-line.

As fintechs se especializaram em oferecer uma experiência mais cômoda e agradável aos seus clientes, que já não toleram mais a falta de eficiência do atendimento comum dos bancos. E claro, outro fator que ajuda o desenvolvimento desse tipo de empresa é o acesso cada vez maior da população a recursos como smartphones, tablets e conexão de internet.

Quais as vantagens da fintech de crédito?

Definitivamente, as fintechs chegaram para revolucionar o mercado financeiro e, principalmente, entre os consumidores mais jovens elas já são um sucesso. Claro que isso não significa a falência dos bancos tradicionais, afinal, eles movimentam bilhões de recursos e as chances de quebrarem, em economias estabilizadas, são mínimas.

No entanto, a fintech de crédito funciona como uma alternativa para pequenos empreendedores, jovens que estão iniciando no mercado de trabalho e pessoas em geral que buscam facilidades que possam ser acessadas por meio da internet. As vantagens aparecem tanto para os consumidores, que têm mais ofertas de serviços, quanto para o mercado financeiro, que abre oportunidade para novas empresas e soluções inovadoras.

Gostou da leitura? Nosso conteúdo foi informativo para você? Então, siga nosso perfil no Facebook e Twitter para acompanhar nossas novidades!

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

gestão de propriedades ruraisredução de custos
%d blogueiros gostam disto: