Saiba como fazer a redução de custos na sua propriedade rural

 em Dicas

Quando o assunto é redução de custos na propriedade rural, acaba sendo comum que as pessoas confundam custos com despesas, dois conceitos que tecnicamente não são sinônimos. Custos são os gastos ligados ao produto final. Assim, alguns deles são os insumos, a mão de obra e os medicamentos. Já por despesas entendemos o que é referente à administração do negócio, como os gastos com contabilidade e administração, por exemplo.

Por que isso é importante? Porque sabendo diferenciar custos de despesas, você pode se concentrar na redução de gastos naquilo que não vai interferir na estrutura do negócio. A redução de custos, não de despesas, é o que permite a maior lucratividade de uma empresa.

Quer saber como fazer? Então confira este post que preparamos!

Identifique cada um dos custos da sua produção

O primeiro passo deve ser a identificação dos custos na sua propriedade rural. Existem critérios para diferenciá-los e se você ainda não os conhece, saiba que somente essa informação pode mudar completamente a sua maneira de lidar com a sua atividade profissional.

Os custos podem ser fixos ou variáveis. Dizemos que o custo é fixo quando ele não varia em função da produção. É o caso do salário de um profissional, pois independentemente dos resultados que ele apresenta, esse valor continua sendo o mesmo mês a mês.

Consequentemente, os custos variáveis são aqueles que variam de acordo com a produção, sendo exemplos disso as próprias matérias-primas utilizadas em determinada atividade ou a quantidade de ração para alimentar os animais. Perceba que, se a produção cai, você investe menos nesses recursos e se ela aumenta, acontece o contrário, você investe mais neles.

Identificar cada custo do seu empreendimento é o primeiro passo para começar a planejar ações mais racionais e garantir melhores resultados.

Faça um planejamento e crie uma estratégia

Uma vez identificados os custos, é hora de criar estratégias para diminuí-los sem que isso represente uma queda na qualidade da produção. Isso depende da sua visão de negócio e da realidade do seu empreendimento. Mas, de uma maneira geral, podemos dizer que compreendendo o que se pode e o que não se pode cortar, você já tem como pensar em soluções.

A partir da criação de um planejamento orçamentário, é possível projetar receitas e custos e assim adquirir uma noção mais exata dos gastos com sua atividade. Consequentemente, você pode negociar com seus fornecedores a compra antecipada de insumos para reduzir seu preço, por exemplo. Outra possibilidade é se organizar para comprar os recursos e animais sempre na época mais propícia.

Visualize oportunidades na própria cadeia produtiva

Pensar em reduzir custos é fundamental para qualquer negócio, mas é importante que as ações tomadas sejam específicas, considerando a realidade do seu trabalho.

Assim, para reduzir custos adequadamente é necessário ter atenção à sua cadeia produtiva. Isso permitirá também a você enxergar meios para reaproveitar itens que poderiam ser ignorados.

No processo de adubação, por exemplo, é exatamente isso o que acontece, pois outros itens da produção são reaproveitados com uma finalidade específica. A reutilização da água da chuva também é uma solução viável para o proprietário rural reduzir custos com limpeza.

É preciso estar aberto para soluções criativas, pois elas geram benefícios sem que haja custo de investimento. Quando toda a equipe valoriza essa cultura, a tendência é que com o tempo as ideias apareçam e as soluções gerem impacto no processo produtivo.

Reduza os custos com energia elétrica

A energia elétrica é um dos gastos que melhor podem ser controlados na atividade empresarial. Isso porque existem soluções sustentáveis, capazes de gerar economia sem interferir na qualidade do seu trabalho.

Hoje, o produtor rural já tem como priorizar a energia solar ou a eólica, as chamadas soluções mistas, para reduzir o consumo e garantir a produção.

Caso você não tenha condições de montar essa estrutura, fique atento aos gastos com as soluções mais comuns do mercado. Lâmpadas fluorescentes, por exemplo, permitem maior economia na conta de luz porque consomem cerca de 80% menos energia do que as incandescentes. Existem também as lâmpadas de LED, capazes de gerar redução de gastos, mas o seu preço costuma ser significativamente maior do que o das fluorescentes.

Reduza o desperdício

Atenção aos detalhes. Muitas vezes, por uma questão de hábito, a produção acaba gerando desperdícios. Uma dessas situações ocorre com a energia elétrica. Como vimos, hoje já existem alternativas capazes de amenizar os custos com esse tipo de recurso.

No entanto, não basta somente escolher o melhor sistema a ser utilizado. É preciso pensar também em fatores como a manutenção das instalações, os hábitos dos colaboradores e até o aproveitamento da luz natural.

Perceba que algumas dessas são ações têm muito mais a ver com a maneira com que as pessoas lidam com o recurso do que com a tecnologia utilizada. Pense nisso em relação a tudo o que envolve a sua empresa e realinhe a atuação da sua equipe. Tendo identificado seus custos com critérios, isso ficará muito mais fácil de ser feito.

Utilize a tecnologia

Vivemos em uma época na qual as novidades aparecem a cada momento e não é diferente em relação à produção rural. A todo o tempo, surgem novas pesquisas e inovações, capazes de melhorar a ação do profissional mais atento.

Algumas soluções permitem diminuir os gastos com a produção e dar a ela maior eficiência. O mais interessante é que essas tecnologias nem sempre estão fora do alcance do produtor rural, principalmente o de pequeno porte. A questão aqui é ter atenção às oportunidades e entender aquelas que oferecem a melhor relação custo-benefício.

Dispositivos inteligentes, por exemplo, permitem monitorar com precisão os volumes de colheita, avaliar fatores como umidade e densidade do solo, entre outros, o que mostra que o trabalho com dados já é um diferencial para profissionais do campo reduzirem custos e aumentarem seus lucros.

Com pequenos ajustes na rotina, na infraestrutura e aplicando soluções de baixo investimento, é possível ter redução de custos. As dicas aqui apresentadas tiveram o objetivo de ajudar você em relação a isso. Considere a viabilidade de aplicá-las no seu negócio e tenha como alcançar resultados melhores!

Quer saber mais sobre redução de custos e outras informações? Então acompanhe nossos perfis nas redes sociais. Conheça nosso Facebook, o LinkedIn e o Twitter.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

fintech de créditoautomação de fluxos operacionais
%d blogueiros gostam disto: