Tecnologia no Campo: como ela contribui para os produtores rurais?

 em Agronegócio

A inovação tecnológica é uma aliada importante na busca por uma produção rural eficiente. A necessidade de melhorar a qualidade dos alimentos sem criar problemas ao meio ambiente é um desafio, mas a utilização da tecnologia no campo criou oportunidades para os empreendedores.

Com a inserção de novas técnicas e a evolução das soluções existentes, as lavouras que não se abrem a essa nova realidade correm o risco de ficarem defasadas. Essas transformações são importantes para produzir melhor com recursos mais limpos e custos menores, o que é ideal aos agricultores.

Destacamos neste artigo algumas tecnologias que estão em crescimento no agronegócio brasileiro, além de explicar a importância de implementar essas inovações na sua lavoura. Confira!

Qual o histórico da inovação tecnológica no campo?

O agronegócio acompanha a evolução da tecnologia. Desde a Revolução Industrial, novos equipamentos surgem para resolver os problemas e facilitar o trabalho dos produtores rurais. Nas últimas décadas, as grandes novidades surgiram no maquinário, com tratores e colheitadeiras sofisticadas.

No século XXI, por outro lado, a inovação tecnológica não tem a ver, necessariamente, com os equipamentos utilizados na lavoura. Conhecimentos como o Big Data foram desenvolvidos para auxiliar na gestão do cultivo e gerar dados que melhoram a tomada de decisões. Já o drone e o sensoriamento remoto ampliam o conhecimento sobre as terras.

A tecnologia no campo, nessa nova realidade, está baseada nos dispositivos móveis, que têm um manejo simples e estão interligados com softwares que facilitam o trabalho do agricultor. Novos aplicativos surgem todos os dias, com funções diferentes, para criar soluções e aumentar a produção do campo brasileiro.

Qual a importância da tecnologia no campo?

O maior benefício dessas inovações tecnológicas é a possibilidade de automatizar as tarefas, o que diminui a necessidade de mão de obra e aumenta a eficiência das lavouras. Atualmente, a agricultura consegue produzir mais sem aumentar a área plantada — uma realidade fundamental para preservar a natureza.

O agronegócio tem papel crucial na economia brasileira, já que foi o motor do PIB em 2017 e manteve o crescimento em 2018. A inovação tecnológica tem participação nisso, já que aumenta o rendimento das lavouras e, consequentemente, a concorrência e a diversidade no comércio.

Outro ponto positivo é a qualidade dos produtos agrícolas. Com o uso de tecnologia no campo que indica a quantidade correta de fertilizantes e defensivos que devem ser utilizados, os alimentos são mais naturais, o que melhora as refeições dos brasileiros e potencializa a exportação da nossa produção.

Quais são as principais transformações tecnológicas?

Algumas tendências já estão em desenvolvimento no agronegócio brasileiro e devem se popularizar em um futuro próximo. Conheça essas tecnologias e veja as suas aplicações!

Agricultura de precisão

A agricultura de precisão é um método que acompanha todo o processo produtivo e garante uma utilização eficiente dos recursos. Por meio de sistemas como o GPS e o sensoriamento remoto, o produtor tem uma visão geral da lavoura e pode controlar melhor os insumos e a aplicação dos defensivos agrícolas.

Com informações sobre o solo e as condições climáticas, é possível escolher o tipo de cultura ideal para cada área da lavoura. Essa ação respeita os nutrientes existentes e permite somente a utilização dos fertilizantes necessários, o que melhora a qualidade dos produtos agrícolas e diminui os danos ao meio ambiente.

Big Data

O Big Data é o grande volume de dados que são gerados a todo momento pelos aparelhos interligados. O diferencial é saber transformar esses dados em informações relevantes e aplicá-las ao negócio para gerar um impacto positivo. Na agricultura, implementar esse conhecimento diminui a incerteza do processo produtivo das safras.

Esses dados são utilizados pelas empresas em diversas áreas, como na distância ideal entre as linhas, na escolha correta das culturas e na profundidade em que elas são plantadas. Quanto mais eficiente for esse processo, menor é o custo para o produtor e mais ecologicamente correto é o seu trabalho.

Drones

O uso de drones é uma ajuda que vem do céu para o agricultor — literalmente. Esse equipamento tem uma câmera acoplada e sobrevoa a plantação para captar imagens e gerar informações. Dessa forma, é possível ter um controle melhor do nível de irrigação e a incidência de pragas.

Os drones podem sobrevoar a propriedade mais de uma vez ao dia por meio de um controle remoto. Com a integração a um software, o agricultor recebe essas imagens e pode tomar as melhores decisões para a sua lavoura. O controle de focos de incêndio e a demarcação das áreas férteis também são benefícios dessa tecnologia.

Sensoriamento remoto

As técnicas de sensoriamento remoto permitem a coleta e o tratamento de informações por meio da energia refletida pela superfície terrestre. Esses sensores podem ser aplicados em drones, satélites, helicópteros e fazem o controle do crescimento das plantas e a detecção de pragas.

Em conjunto com os drones, essa tecnologia no campo traz diversas vantagens para o dono da propriedade rural. Ao contrário dos satélites, que dependem das condições climáticas e da disponibilidade, esses aparelhos são mais acessíveis e podem coletar as imagens rapidamente. Com elas, é possível conhecer a saúde das plantas e controlar a área plantada.

Internet das Coisas

A Internet das Coisas (IoT) é a conexão de qualquer objeto em uma rede de internet sem intervenção humana. Essa inovação tecnológica ficou conhecida com a criação de eletrodomésticos inteligentes, mas está em implementação no campo para melhorar a produção rural. Um exemplo são as máquinas modernas.

Esses equipamentos produzem relatórios sobre o solo e podem gerar insights sobre o plantio e a correção da acidez. Outras soluções também foram desenvolvidas para melhorar o combate às perdas, com sensores que identificam as pragas e fazem a aplicação dos defensivos. Com a sua popularização, essas tecnologias ficarão mais acessíveis.

A utilização da tecnologia no campo permite que o produtor aumente a sua capacidade produtiva e possa se adaptar a um mercado consumidor exigente. Essa inovação tecnológica pode ser implementada em qualquer tamanho de lavoura e deve ser vista como um investimento para melhorar a qualidade de vida da sua família.

Quer melhorar a gestão financeira da sua lavoura? Entre em contato com a Softfocus e conheça as nossas soluções para alcançar os seus objetivos!

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

agronegócioagricultura familiar
%d blogueiros gostam disto: